De regresso




Voltei novamente ao meu canto ... o meu canto onde escrevo apenas para poucos, mas onde posso ser eu autenticamente, onde posso espandir o meu ser, dizer o que me vai na alma e no coração ... Foram três meses de longa ausência em que muita coisa mudou radicalmente, não sei se me sinto melhor assim, se sou mais feliz ou não, sei apenas que as coisas mudaram, que tomei decisões mas que no fundo contínuo com esta revolta imensa dentro de mim.
Sei que vejo as coisas de forma diferente, sei que olho a realidade de outra forma e por isso pense que as pessoas são como eu e acabo por me desiludir ... não tem sido fácil mas lá vou caminhando devagar como um bébe que dá os primeiros passos ... eis que voltei para permanecer por muito tempo.

Comentários

Alberto disse…
Olá
Espero que consigas resolver o que te vai na alma e a libertes de vez.
Só com um grito é que ela se liberta não é fecha-la num cofre de um grande coração.
Gosto da ultima frase por muito tempo.

Um beijo
Ennoea disse…
È UM PROCESSO LONGO, SABES QUE DESENTERRAR FANTASMAS ADORMECIDOS NÃO É FÁCIL E DEPOIS LIDAR COM ELES E DEITÁ-LOS FORA AINDA MAIS.
CONTÍNUO A ACHAR QUE SOU DEMASIADO IDEALISTA E PENSO QUE TODOS SÃO COMO EU ... VERDADEIROS E SINCEROS.
BEIJOS
Sandra disse…
e eu ca estou para te ler...bjs

Mensagens populares deste blogue