A curiosidade ...


Tenho saudades da minha infância, do tempo de descoberta, de procura, de curiosidade...
Quando erámos inocentes e acreditávamos no grande amor, nas grandes amizades, que podíamos mudar o mundo, que seríamos ricos e felizes ...
Pois ... já passaram umas boas décadas destes pensamentos ingénuos e afinal não conseguimos lá mudar grande coisa ... mas apesar de tudo contínuo a ser curiosa e a acreditar que algum bom ainda é possível ...

Comentários

Sandra disse…
Claro que sim, nunca devemos deixar de acreditar nas coisas boas, porque elas existem.
Beijinhos
homem bolo disse…
É muito fantastica a curiosidade das criaças, e é porque são inocentes e porque sonham de maneira maravilhosa, a sua inocência, a maneira como encaram as coisas, é lindo podermos recordar a maneira como era-mos curiosos, aquelas brincadeiras, para nós agora sem sentido, na qual gastava-mos todo o dia que parecia sempre pouco, estar com os amigos, e uma simplicidade de vida que lembrada parece mágica, a maneira como nos surpreendemos quando nos lembramos de quanto inteligentes ou tolos era-mos em relação a certas coisa, é lindo sem duvida, é pena a maneira como se pode destruir algo puro, é muito triste tambem a ideia de que essa magia pode já não existir, ou ser abatida cada vez mais depressa como se de um animal indesejavel se trata-se e se tivesse tornado um desporto caça-lo.
Agora outra coisa, é muito estranho um blog destes não ter tantas visitas quanto eu esperei que vie-se a ter, mas como é possivel um blog destes permanecer quase intocado, seja como for, mais uma vez os meus parabens pelo blog.
P.S: desculpem os erros ortograficos, mas eu não estava para passar o texto para o word e corrigir, mas acho que de qualquer maneira até está bastante legivel.
Sara V. disse…
Não teremos todos um pouquinho dessa nostalgia (pelos tempos da infância) e não teremos todos um pouquinho de criança, de curiosidade e de sonho?! Bem, talvez mais uns do que outros...
E a foto foi muito bem escolhida.

Beijocas
ennoea disse…
Olá, Sandra!

Claro que as coisas boas existem tal como a nossa amizade!

Beijokas
ennoea disse…
Olá, Homem Bolo!

Tal como tu que és curioso!
Deixa lá os erros ... eu perdoo!

beijinhos
ennoea disse…
Olá, Sara!

claro que uns são mais curiosos que outros ... sê bem vinda à Alquimia!!!

beijinhos

Mensagens populares deste blogue